Cedir Cedilab

Pneumocócica 13v

A vacina Pneumocócica 13v (VPC13) é uma vacina inativada que protege contra 13 tipos diferentes de Streptococcus pneumoniae (pneumococo), combate doenças graves como pneumonia, meningite e otite em crianças.

Categoria: Tag:

Descrição

 

A vacina Pneumocócica 13v (VPC13) é uma vacina inativada que protege contra 13 tipos diferentes de Streptococcus pneumoniae (pneumococo), combate doenças graves como pneumonia, meningite e otite em crianças. Também recomendada para adolescentes, adultos e idosos. Possui esquema vacinal de acordo com faixa etária. Para maiores de 60 anos recomenda-se esquema com a vacina Pneumocócica 23V (VPP23), após intervalo de 6 a 12 meses com a VPC13. Sua administração é por via intramuscular.

Pode ser encontrada no CEDIR CEDIRLAB. No SUS, a mais comum é a VPC10, mas atualmente a VPC13 já pode ser encontrada no CRIE.

A Vacina Pneumocócica 13 protege contra:

Doenças graves ou invasivas causadas pelos 13 sorotipos de pneumococos contidos na vacina (pneumonia, meningite, etc.).

A Vacina Pneumocócica 13 é indicada para:

– Rotina de crianças a partir de 6 semanas de vida e adultos a partir dos 50 anos de idade (sobretudo maiores de 60 anos);
– Crianças a partir de 6 anos, adolescentes e adultos portadores de certas doenças crônicas.

Contraindicação da Vacina Pneumocócica 13:

Pessoas que apresentaram anafilaxia após usar algum componente da vacina ou após dose anterior da vacina.

Doses da Vacina Pneumocócica 13:

– Bebês: a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) recomendam quatro doses: aos 2, 4 e 6 meses, e reforço entre 12 e 15 meses. Se o bebê não puder cumprir esse esquema por qualquer motivo, o número de doses da vacina pneumocócica conjugada 13-valente dependerá da idade em que a primeira dose for aplicada;
– Crianças a partir de 6 anos, adolescentes e adultos com doenças crônicas que justifiquem a vacinação e ainda não vacinados: dose única;
– Maiores de 50 anos e, sobretudo, para maiores de 60: recomenda-se esquema com a vacina pneumocócica conjugada 13-valente (VPC13), seguida de uma dose da vacina pneumocócica polissacarídica 23-valente (VPP23);
– Crianças menores de 6 anos que completaram o esquema de vacinação no SUS (Unidades Básicas de Saúde) com a vacina VPC10 (vacina pneumocócica conjugada 10-valente) têm benefícios se tomarem mais uma dose da VPC13, o que aumenta a proteção contra a doença pneumocócica.

Como é aplicada a Vacina Pneumocócica 13:

Intramuscular

Diferenciais da Vacina Pneumocócica 13:

VACINA PÚBLICA
VACINA PARTICULAR
Disponível apenas nos Centros de Referências para Imunobiológicos Especiais (CRIEs), portanto, apenas para condições especiais.
Disponível para todas as faixas etárias e condições clínicas especiais que demandam esta vacinação.

Quais as possíveis reações da Vacina Pneumocócica 13?

– Em mais de 10% das crianças vacinadas ocorrem: diminuição do apetite, irritabilidade, sonolência ou sono inquieto, febre e reações no local da aplicação (dor, vermelhidão, inchaço ou endurecimento);
– Entre 1% e 10% dos vacinados relatam: diarreia, vômitos, erupção cutânea, febre acima de 39°C;
– Entre 0,1% e 1% são acometidos por choro persistente, convulsões, urticária, reação local intensa. Raramente (entre 0,01% e 0,1%) ocorrem: episódio hipotônico-hiporresponsivo (EHH) e anafilaxia;
– Em adultos, mais de 10% apresentam: diminuição do apetite, dor de cabeça, diarreia, erupção cutânea, dor nas articulações, dor muscular, calafrios, cansaço e reações locais (endurecimento, inchaço, dor, limitação do movimento do braço). Em 1% a 10% ocorrem vômitos e febre. Entre 0,1% e 1% dos vacinados relatam: náusea, alergia grave, gânglios no braço vacinado.

ORIENTAÇÕES:
– Compressas frias aliviam a reação no local da aplicação;
– Qualquer sintoma grave e/ou inesperado após a vacinação deve ser notificado ao CEDIR CEDIRLAB;
– Sintomas de eventos adversos graves ou persistentes, que se prolongam por mais de 24 a 72 horas (dependendo do sintoma), devem ser investigados para verificação de outras causas.

Qual a composição da Vacina Pneumocócica 13?

13 sorotipos de Streptococcus pneumoniae (pneumococo) conjugados com a proteína CRM197.

IMPORTANTE:
Trata-se de vacina inativada, portanto, não tem como causar a doença.

Como me preparo para tomar a Vacina Pneumocócica 13?

– Não são necessários cuidados especiais antes da vacinação;
– Em caso de febre, deve-se adiar a vacinação até que ocorra a melhora;
– Recomenda-se evitar o uso profilático (sem a ocorrência de febre) de antitérmicos e anti-inflamatórios antes e nas 24 horas que seguem a vacinação.

A Vacina Pneumocócica 13 é disponibilizada no SUS?

Não. O SUS oferece a Vacina Pneumocócica Conjugada 10-valente (PCV10) aos 2 e 4 meses, e reforço aos 12 meses. A vacina Pnumocócica conjugada 13-valente só é oferecida nos CRIEs (Centros de Referência em Imunobiológicos Especiais) para determinadas condições especiais.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Pneumocócica 13v”

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Precisa de ajuda? Fale conosco